sexta-feira, 24 de outubro de 2014

A metamorfose do sucesso na minha vida...

O que é o sucesso?
Pergunta que muita boa gente deve responder dizendo: Ter uma carreira brilhante numa empresa XPTO, ter o carro YZX, ter montes de dinheiro, ou ser rico. Nada de estranho porque também já pensei assim.
Quando era criança/adolescente, sucesso para mim era ter muitos amigos, era ter a melhor nota da turma, era namorar o garoto que as outras disputavam.
Depois de me formar, era ser uma executiva temida, implacável, sabichona, dona da razão, reconhecida como competente.
Bem, digamos que o sucesso foi sofrendo metamorfoses, mas sempre centrado no exterior.
Hoje paro e olho para trás, com certa benevolência, e sorrio perante minhas "convicções".
Não há nada melhor que o amadurecimento que a vida nos proporciona.
Hoje meu conceito de sucesso é diário, é centrado em mim e nos que me são caros. Para mim sucesso, neste momento é acordar  de manhã cheia de energia, fazer o que me faz feliz e à noite dormir como um anjinho. Sucesso é ver meus filhos felizes, conseguindo resolver seus problemas sozinhos, ou chamando a mãe para ajudar. Sucesso é vibrar com o sucesso do meu marido, amigos e familiares (independentemente dos seus conceitos de "sucesso").
Não sei até quando este meu novo conceito de sucesso vai permanecer. Mas enquanto permanecer, quero atingi-lo todos os dias, porque faz-me sentir bem, faz-me sentir feliz....e no final da história é o que realmente importa....a felicidade.

E neste momento, apetece-me perguntar a quem ainda frequenta este espaço....o que é para ti o sucesso? ou ter sucesso?

2 comentários:

mr vadaz disse...

Para mim, neste momento, sucesso é conseguir ter um equilíbrio pessoal no meio onde estou inserido para puder proporcionar à minha filha meios para ela crescer equilibrada; ter equilíbrio para viver equilibrado.

Esse equilíbrio passa por desfrutar cada gota de momento com os meus amigos, famílias, amigos e quem me rodeia; terminar o mestrado, trabalhar e criar o meu próprio trabalho; escrever; proporcionar o bem, ter tempo para mandar bocas, ouvir uma boa música, dançar, viajar, explorar um terreno ou um programa informático, beber umas cervejas ou uma taça de vinho com amigos, falar tretas com amigos, apreciar uma boa obra de arte, principalmente aquela maior que o Criador criou: a mulher; ler um bom livro, nadar, pescar ou descansar à sombra fresca de uma acácia.

Epah, resumia tudo isso numa frase: sucesso é ter equilíbrio para viver equilibrado.

MS-Mnininha Soncente disse...

E tens toda a razão... este fim de semana acabei por esbarrar com a certeza que o sucesso é companheiro (ou deve ser) da felicidade. E há que gozar a vida no presente, pois o futuro a Deus pertence...e nem sabemos se chegaremos lá...