segunda-feira, 23 de abril de 2012

Avó....

....Hoje senti saudades tuas, saudades de tudo de ti... 
Hoje não me importaria ouvir a tua voz arrastada, ver o teu olhar distante e vazio, sentir tuas mãos esqueléticas perdidas entre as minhas...
Hoje a saudade magoou-me ... e as lembranças revelaram-se insuficientes para acalmar a dor....

Sem comentários: