segunda-feira, 31 de agosto de 2009

Pfff....

Mais uma semana se inicia e ainda não sei quando é que vou ter férias...lindo!!!

sexta-feira, 28 de agosto de 2009

Hoje acordei


Com vontade de abraçar a minha avó, de lhe dizer que a amo muito.

Acordei com vontade de a estreitar nos braços e retirar todo o mal que a vida lhe tem feito, sarar as feridas que foi ganhando ao longo do caminho, enxugar as lágrimas que as perdas lhe provocaram e plantar de novo aquele riso forte nos seus lábios.

Acordei com vontade de a deixar saber que a amo muito e que a minha atitude idiota de afastamento não tem a ver com o falta de amor mas pela minha incapacidade de aceitar que aquela mulher forte, aquela mulher coragem que conheci já não restam traços.

Acordei com vontade disso tudo porque ontem ao dormir veio à minha mente imagens da minha infância onde tu, avó, estiveste presente. Imagens minhas e outras de papel...imagens onde me acompanhaste nos primeiros passos, imagens do teu imenso carinho e a sensação de ser a favorita de alguém. Cresci, mas não te esqueci...afastei-me um pouco sim...mas por te amar...estranha forma de o demonstrar eu sei...mas às vezes sou assim...meio torta.

E como dizia...


Acordei com vontade de falar contigo, de te ouvir e de te sentir...e liguei-te. Disse-te que amava-te muito e mandei-te beijinhos mil...e senti-te mais perto, senti-te mais presente. Liguei e do outro lado da linha ouvi a tua voz trêmula, e num fio... palavras soltas. Mas não importa...queria apenas que tu soubesses que a tua neta não te esqueceu e que te ama muito. Ao desligar meu coraçãozinho podia caber nas mãos da minha filha, porque senti, mais uma vez, o teu abandono para com a vida...e disseste-me tchau...

terça-feira, 25 de agosto de 2009

Ser MULHER



Ser mulher...
É viver mil vezes em apenas uma vida.
É lutar por causas perdidas e
sempre sair vencedora.
É estar antes do ontem e depois do amanhã.
É desconhecer a palavra recompensa
apesar dos seus atos.


Ser mulher...
É caminhar na dúvida cheia de certezas.
É correr atrás das nuvens num dia de sol.
É alcançar o sol num dia de chuva.


Ser mulher...
É chorar de alegria e muitas vezes
sorrir com tristeza.
É acreditar quando ninguém mais acredita.
É cancelar sonhos em prol de terceiros.
É esperar quando ninguém mais espera.


Ser mulher...
É identificar um sorriso triste e uma lágrima falsa.
É ser enganada, e sempre dar mais uma chance.
É cair no fundo do poço, e emergir sem ajuda.


Ser mulher...
É estar em mil lugares de uma só vez.
É fazer mil papeis ao mesmo tempo.
É ser forte e fingir que é frágil...
Pra ter um carinho.


Ser mulher...
É se perder em palavras e
depois perceber que se encontrou nelas.
É distribuir emoções
que nem sempre são captadas.


Ser mulher...
É comprar, emprestar, alugar,
vender sentimentos, mas jamais dever.
É construir castelos na areia,
ve-los desmoronados pelas águas.
E ainda assim amá-los.


Ser mulher...
É saber dar o perdão...
É tentar recuperar o irrecuperável.
É entender o que ninguém mais conseguiu desvendar.


Ser mulher...
É estender a mão a quem ainda não pediu.
É doar o que ainda não foi solicitado.


Ser mulher...
É não ter vergonha de chorar por amor.
É saber a hora certa do fim.
É esperar sempre por um recomeço.


Ser mulher...
É ter a arrogância de viver
apesar dos dissabores,
das desilusões, das traições e
das decepções.


Ser mulher...
É ser mãe dos seus filhos...
Dos filhos de outros.
É amá-los igualmente.


Ser mulher...
É ter confiança no amanhã e
aceitação pelo ontem.
É desbravar caminhos difíceis
em instantes inoportunos.
E fincar a bandeira da conquista.


Ser mulher...
É entender as fases da lua
por ter suas próprias fases.





Não conheço o autor (se souberem digam-me)...mandaram-me por e-mail e achei que devia partilhar este texto...pela beleza das palavras...e por ter ficado com a última frase a bailar-me dentro da minha cabecinha...Ser mulher é entender as fases da lua por ter as suas próprias fases!


segunda-feira, 24 de agosto de 2009

Eu e o Ambiente....

Aperta-me o coração quando, pelos vidros do carro, vejo o lixo se acumulando nas ribeiras, nos campos nus enfeitados com sacos de plásticos. Sinto-me incomodada quando por descuido meu esqueço de levar meus sacos "ecológicos" para o supermercado e sou "obrigada" a levar com os sacos plásticos e a leveza de quem quase transporta um artigo em cada saco. Os "arrumadores de sacos" ficam a olhar para mim com o olhar nº 25 tipo..."esta tipa é maluca", quando digo para colocarem o máximo de itens dentro dos sacos porque o ambiente agradece. Incomoda-me que o meu marido passe mais de 5 minutos com a água a correr para depois passar outros tantos para tirar o sabão quando, quando pode faze-lo em metade do tempo. No escritório tento limitar ao máximo a impressão de documentos e, sempre que posso uso o verso de um papel impresso para imprimir ou escever notas. Sim, preocupo-me com o ambiente e muitas vezes tento minimizar o impacto das minhas actividades no ambiente. MAs reconheço que em nome da minha comodidade, ainda estou a léguas de distancia de ser ecologicamente correcta...é que quando penso nas fraldas e pensos higiénicos de pano, meu corpo arrepia e aí cometo mais um pecado e inundo o meu mundo com toneladas destes desperdícios...mas fico contente quando reaproveito/reciclo coisas, poupo energia e/ou água..é como se a minha conta para com a Natureza ficasse um pouco menos negra...
Este desabafo vem por conta de um artigo que diz que as fraldas e os pensos higiénicos representam 5% dos resíduos sólidos urbanos e as fraldas são consideradas um dos piores redíduos domésticos...

Eu e as segundas-feiras....

Quase toda a gente que me conhece sabe do meu "ódio de estimação" para com as segundas-feiras...estranhamente, hoje sinto-me bem, cheia de energia...e olhem que a minha pequenina deu-me uma noite bem animada com direito a resmungos de hora a hora, choros e acoplagem à estação de serviço às 5 da manhã..Tenho por mim que algo vai acontecer hoje!

sexta-feira, 21 de agosto de 2009

A vida é....

Uma sucessão de surpresas...

Tenho viajado com alguma frequência para a minha ilha e em cada viagem tenho tido uma surpresa... a última foi ter entrado num taxi com a minha mãe e termos reconhecido um motorista que levava-me à minha avó quando tinha eu 5 ou 6 anos...sabem quanto custava a viagem? 15 escudos (essa parte não me lembrava). Fiquei a pensar que hoje não me atreveria a meter minha filha, sozinha, num taxi...é que ocorre-me logo a história do chapéuzinho vermelho...os lobos andam famintos e lenhadores já existem poucos...

quarta-feira, 5 de agosto de 2009

RIP Biús


Nem quis acreditar quando a voz do outro lado do telefone me deu a notícia...fui a correr para o jornal on-line e vi...Biús morreu...e veio até mim memórias do seu riso fácil, das noites no Alta-Lua, das festas em Braga onde não faltavam as suas músicas... Para mim era sinónimo de boa disposição e sinónimo de momentos bem passados, conseguia por uma plateia à vontade, a cantar, a dançar...Que a terra lhe seja leve... (foto surrupiada aqui)

Estado da nossa nação e o estado do pgr


é..nação com letras minúsculas!!! Eu bem que tentei ficar caladinha sobre o debate do estado da nação, depois sobre a "indignação" do PGR...mas não consigo...mas juro que tentei...e para não descambar vou ser poupada nas palavras...


  • Se hoje tivesse de escolher qual o melhor partido de oposição eu responderia: UCID- Apesar de não gostar do Monteiro porque ele adora fazer carícias a altas velocidades à mulher dele, mas no campo político ele esteve muito bem; Fez uma óptima gestão de tempo(não perdeu tempo com troca de mimos), tocou nos pontos que interessam aos cabo-verdianos (desemprego), não perdeu a pose e ainda teve o condão de irritar o nosso PM sem sair dos limites. Nota 10!

  • Quanto ao maior partido da oposição...bem...fez péssima gestão do tempo, sem falar que teve um discurso pobrezinho. Não sei porque ainda caem na esparrela do PAICV! Eles ainda não perceberam que estão a fazer o joguinho deles?!!??!Que eles lhes fazem perder tempo ao lhes provocar porque SABEM que o MPD vai responder e depois não tem tempo para debater o essencial?!?!? Oh Valha-me Deus!!! Vai uma nota 5

  • O partido no Governo defendeu a sua dama e a Min de finanças mostrou mais uma vez que é a Dama de Ferro de CV. Gostei das intervenções dela: curtas, claras, objectivas. Por mais que exista guerra de números, ela defende e bem aquilo que tem de defender. O problema é que ela não tem na oposição alguém do mesmo calibre para lhe fazer frente e desmontar as suas explicações. Há que quantificar os impactos das medidas tomadas...de que adianta dizer que diminuiram o IUR (são poucas as empresas que vão ter lucro em 2009, e nos particulares quem mais ganhou foram os que ganham acima de 100 cts, quando em CV a maioria não chega nem de perto desta quantia). Que retiraram o Imposto de Selo (uma verginha isto do IS) dos recebimentos...é preciso ver se os encargos das empresas não aumentaram pois a maioria recorre aos crédito bancário e 5% sobre juros e 7 por mil nas receitas...não sei bem. E com este imposto e mais a TSMR o cidadão viu o seu poder de compra a reduzir. Srª Ministra é preciso quantificar os impactos!!! Nota 7

E já chega..disse que ia ser poupadinha...


Agora quanto ao PGR, desculpem, pgr....


Mas vocês já perguntaram o porquê da actuação da PN?!?! Será que o homem não cometeu nenhuma infracão?!??! Será que o polícia estava fora do seu juízo ao autuar um infractor?!!?! Ok, retirou a carta...não podia?? não sei...há que ver a lei...Agora a actuação do pgr é de lamentar...Quanto a mim devia tratar disso sem ir à Comunicação Social porque ao faze-lo está:

  1. A admitir que cometeu uma infracção...(como disse, ou isso ou o polícia estava alucinado!)

  2. Sendo verdade a 1ª afirmação... Que insinua estar acima da lei. Meu Caro nem o PR está!! Se queremos um país que se diz de Direito...a Lei é para todos e ninguém está acima dela!!

  3. E a admitir que o polícia estava "léle" da cabeça, o Sr com essa atitude mostrou que não tem ATITUDE nenhuma!! Que não se revê nos poderes que tem. A acontecer uma coisa destas ia directamente à Adm. Interna, fazia uma queixa formal, abria-se um inquérito para apurar as responsabilidades...mas NÃO!!! fica mais bonito ir à CS...muito feio pgr, mto feio! E ainda temos políticos que se metem nisso...JS precisa de aprender que a palavra é de PRATA e o Silêncio é de OURO!

E por isso eu aqui digo que estamos a ficar pequeninos...muito pequeninos...que a Nação tá quase a apanhar uma Gripe A!!

terça-feira, 4 de agosto de 2009

Sabiam?!?!? Nº Verde para o Trânsito!!!


Ah pois é!!!! Essa fiquei a saber hoje. Afinal sempre temos um canal para nos queixarmos da indisciplina do trânsito: o nº VERDE 800 1012!! Se funciona ou não, ainda não sei, se atendem ou não...também não sei...mas já é alguma coisa. Vamos lá colaborar?!?! Ao menos podemos dizer que fizemos a nossa parte...(nem que seja para desabafar!!)

segunda-feira, 3 de agosto de 2009

Dádada....

A minha filhota já balbuciou a sua 1ª palavra: ""! e fica "dádadada" Ainda não percebi se pretende "dar "alguma coisa...se está a pedir ou se esta a declarar que, não parece que é...mas que realmente, é uma "Dada!" Estou dividida entre a 2ª e a 3ª opção, porque:
  1. nesta conjuntura, e se ela entende minimamente o que a mãe pragueja quando vê/lê as notícias, é mais Pedir do que dar... Está a seguir o exemplo do nosso governo cuja política é do"Venha a nós...." Se for isso, oh minha filha...continua a pedir...alguma coisa há-de cair!
  2. Bem...ela é tão simpática, tão simpática, que vai para o colo de qualquer um e ainda brinda o seu "portador" com um sorriso de desmachar qualquer contribuinte furioso que acaba de saber o imposto que tem de pagar. Como uma colega minha disse, é capaz de a raptarem e ela ir a sorrir.

Prometo debruçar sobre o assunto e chegar à uma conclusão. Até lá vou-me divertindo com as descobertas... porque o resto...