quinta-feira, 31 de dezembro de 2009

2009-2010


2009:

Que posso dizer de 2009?!

Fui mãe;

Chorei;

Ri;

Amei;

Sofri;

Senti;

A palavra mote para 2009 foi "paciência" e posso dizer que não tive tanto quanto gostaria de ter, mas confesso que tive mais do que estava a espera...

Foi um ano especial em termos pessoais, a experiência de ser mãe tem sido algo maravilhoso (ya, ya, em tempos não quis ser mãe....mas como dizia: é como um cego que nunca viu o por-do-sol e por isso nunca há de alcançar a beleza por mais que descrevam a maravilha que é) é claro com os seus momentos menos bons (fartei-me de reclamar aqui) mas experimentei o amor incondicional que tanto almejei...


Em termos profissionais foi um ano F*d@... mas como disse alguém... a mudança só depende de mim...


2010

Para 2010...a palavra escolhida é... (tcharammm) ORGANIZAÇÃO....

Meus desejos:

Ter a familia toda feliz e com saúde;

Ser o meu agente de mudança;

Aprender a ser mais feliz com o que tenho;


Que o ano que já espreita seja, para todos os que por aqui passam, um ano repleto de realizações.

quarta-feira, 30 de dezembro de 2009

Foi-se...

...o Natal...correu melhor do que esperava. Por ter sido o primeiro natal da minha pimpolha, foi tomada a decisão que seria passado aqui na Praia, na casa dela. E assim foi...rodeada pela família e de muito amor e muitos pratos para lavar....e muitos doces (só de falar que fico arrepiada) e muito perú, e o não saber o que fazer com tanta comida.
Eu...bem andei um pouco entre Dona de Casa desesperada e Dona de casa "desimportada", com pequenos laivos de loucura e ataques de fúrias imaginárias aos lentos dos "embrulhadores" de presentes.
Recebi mais presentes que estava a espera (alías não estava a espera de nenhum), e a minha pimpolha recebeu aos montes e era ver a diversão em abrir os presentes (não ela...mas o pai).
Foi-se o natal...e ficou a certeza que a parte que gosto no natal é a parte onde a família se reúne à volta da mesa e partilham-se momentos de alegria e de amor... Se ao menos as pessoas parassem para pensar que uma simples flor ou um simples cartão com votos de Feliz Natal é o suficiente para se saber que morámos no coração dessa pessoa e que ela não nos esqueceu, o natal seria muito melhor...e deixaria de ser tão comercial...porque o que estamos a passar para os nossos filhos é que natal é sinónimo de muitos presentes (caros, nada de produtos chineses!!), sinónimo de ter tudo o que pedimos, sinónimo de um consumismo desenfreado. Tenho saudades da árvore de natal recheada de cartões postais da famíla espalhada pelos 4 cantos do mundo...

terça-feira, 22 de dezembro de 2009

Merry C...Happy New ...

Talvez seja do meu estado...talvez seja do tempo, talvez seja real....mas vejo o futuro meio sombrio.

há tempos assim...

Tenho escrito sim...mas na minha cabeça. Tenho passado por algumas situações que imediatamente faço o registo no blog/cabeça, mas confesso que não passa para esta página...quando chegou perto dá-me o bloqueio, sinto como se escrevesse não conseguiria ser fiel aos pensamentos e que acabaria por ser algo...estúpido... Até tenho evitado abrir o Retalhos...e não sei bem o porquê...talvez um certo desencanto, um certo desânimo pelo ambiente que me rodeia. Estou numa que não aguento falar de política (quando penso nisso dá-me apertos no peito e uma sensação de desconforto), vivo esta época natalícia que nem um alien e uma folha cujo o vento vai empurrando de um lado para o outro...mas sem sentimento. Talvez esteja num descontentamento contente porque na verdade está tudo bem com a minha vida e ao mesmo tempo sinto que algo não me deixa estar / sentir em sintonia...há tempos assim...

sexta-feira, 4 de dezembro de 2009

ASA Vs TACV - Coisas que me tiram do sério

Isto, é uma delas! O Baluka acha que quem tem culpa disso é a ASA?!?!?
Que afinal foi birra o PCA da ASA ter deixado os TACV sem voar??!?!?! Que o PCA foi arrogante?!?!
A acreditar nas afirmações do PCA da ASA, quem andou com birras foi a TACV!! Então depois de tantos avisos, ela não dá cavaco (porque nem a ASA pedia o pagamento, pelo menos um plano!!) e mais depois do último prazo todos os administradores vão para fora e ainda é birra da ASA?!?!?!
Meus senhores, podem ser todas empresas estatais, mas quanto a mim, o PCA da ASA teve uma postura que compete a qualquer gestor: Gerir uma empresa que implica gestão dos seus recursos... há dívidas, arranja-se forma de os cobrar, pressiona-se, se o cliente não paga há que encontrar meios para sanar as dívidas, o diálogo não chega? corta-se o crédito, (neste caso as asas ao cliente caloteiro) quem teve postura pouco profissional foi a TACV, postura essa que a maioria de nós já experimentou e que já nos proporcinou vários momentos de "desprazer de voar"!!! É com pensamentos iguais a esses que as empresas estatais, num gesto de "nacional porreirismo" vão para o brejo e nós contribuintes ficamos a sustentar esta máquina ineficiente que é o Estado!
Façam-me o favor!!! E nem me venham com o blá, blá, blá wiskas saquetas...dizendo que ficando o avião na pista custou-nos mais uns milhares de contos que eu vos digo...o que nos custa é manter esta empresa da forma como está!!!!!
SmileyPffff

Eutanásia

Essa recebi por e-mail (gentileza da Vânia que alegrou essa minha manhã)

"Ontem, eu e minha mulher estávamos sentados na sala, a falar das muitas coisas da vida.

Estávamos a falar de viver e morrer.

Então eu disse-lhe:

Nunca me deixes viver num estado vegetativo, dependendo de uma máquina
e de líquidos. Se me vires nesse estado, desliga tudo o que me mantém vivo, ok?

Vocês acreditam que a filha da p&%$#.. se levantou, desligou a televisão
e deitou fora a cerveja que eu estava a beber?"

quarta-feira, 2 de dezembro de 2009

3 dentinhos...e 3 passitos


Assim..sem mais sim, sem mais não...aos 10 meses descubro que minha filhota está com 3 dentes... (vá..podem chamar-me de distraída...sou é inexperiente). Ela até agora não tinha nenhum....de repente aparecem 3!! E eu que estava a espera que os inferiores nascessem primeiro, heis que nasce um no maxilar superior...claro está que não dei por isso, até porque ela detesta que se lhe mexa no rosto, e portanto meter-lhe dedo dentro da boca é preciso preparar para uma batalha. Como nem sempre estou para isso, fui deixando até que ela numa careta deixa aparecer algo branquinho...o 1º dentuço já canta... Daí, toca a meter o dedo na boquinha dela, ver mais um número de contorcionismo por parte da pequena e pronto...lá dei com a assanhadeza dos dois inferiores.
Para além dos dentes, ontem à noite ela brinda aos papás babados com várias séries de 3 passinhos e uma bunda no chão...3 passinhos, bunda no chão (agora percebo que as fraldas de agora servem, também, de amortecedor...o que eu devo ter sofrido por ser da época de fraldas de pano...) e os papás a babarem, a filmar, a contar a novidade para todo o mundo (meio mundo.... agora sim, com este post é que fica TODO o mundo). A maioria disse "Ahá...agora que chegaram os problemas"; "Agora que é...vais começar a "correr" atrás dela"; " ah pois...agora começa a parte de estragos"....pois é..mas também, ainda bem que ela, antes de andar, já conhece o significado das palavras "não" e "tatau"...e acho que chegou a hora de tirar a trela da mala!
Agora, dêem licença..vou a voar para casa para poder babar mais um pouco, até porque o teclado do meu pc está numa lástima!

sexta-feira, 27 de novembro de 2009

Orgasmos...

Estes dias tenho tido uma série deles...uns mais intensos que outros...mas sempre bons!!! Já tinha saudade de ter orgasmos.... intelectuais como estes...(ahhh essas mentes) Um dia eu vos conto e vocês vão me agradecer...e vão ficar contentes... é que de tanto nos "F$#%&%deram a vida...o dia em que poderão dar-lhes o troco pode estar pertinho de acontecer... Por enquanto é tudo o que posso vos dizer...

segunda-feira, 23 de novembro de 2009

Mondayyyyyyyyyyyyyyyyy

Depois do fim-de-semana ter voado, com dias preenchidíssimos e noites mal dormidas (não por vontade própria mas por vontade da minha filha...), lá vamos nós para mais uma semanita de trabalho...

quarta-feira, 11 de novembro de 2009

Falou e disse....

Sei que muita gente já falou sobre a Dengue, sobre a problemática Cidade da Praia. Pode-se dizer que é mais uma opinião...mas eu digo que é mais que opinião... é um desnudar com soluções...resta agora vontade política e pulso para levar à prática as medidas que a Eunice Silva apresentou no seu artigo publicado no Liberal...

" Foi com satisfação que vi o Sr. Presidente da Câmara da Praia anunciando que, no quadro desta campanha de combate para a irradicação dos fócos de contaminação, irão selar todos os pardeeiros e construções inacabadas. Digo o seguinte ao Sr. Presidente: neste particular, a Câmara deve ir um pouco mais além, isto é, selar e de seguida fazer um anúncio público para que os proprietários desses pardeeiros/construções inacabadas se apresentem nos Paços do Concelho, onde caso a caso será analisado, no sentido de um acordo para a demolição, finalização ou venda em hasta pública com proveitos para as partes. Fechado o acordo avançar para a sua execução ou no caso do proprietário não comparecer ou não colaborar a Câmara deverá agir coercivamente, pela via legal que lhe confere o poder de autoridade e no interesse público. (num país que fazem expropriação de terreno para "bem público" duvidoso para ser vendido aos Estranjas... porque não fazer isso sabendo que estamos a salvaguardar a saúde do nosso povinho, esse sim um bem público inestimável - afinal somos nós o sustento do sistema)

 As carcaças, ferro velho, equipamentos, carros abandonados e outros, devem ser igualmente objectos, de um anúncio público dando um prazo para serem removidos, extinguidos ou colocados em lugar apropriado. Findo o prazo a Câmara apreenderá esses “materiais/equipamentos”, independentemente de serem lixo, recicláveis ou material aproveitável, para depois lhes dar o devido tratamento; (alguém viu a quantidade de lixo retirado do palácio do governo?!?!!)

 Os animais à solta devem ser banidos da cidade com recurso às apanhas periódicas e criação de um cativeiro municipal onde seriam colocados durante um prazo mínimo, findo o qual serão vendidos, com proveito para a Câmara, ou mortos conforme os casos em presença; (já aqui escrevi alguns encontros de 3º grau com umas vacas em plena via rodoviária)

 Vendedores ambulantes – a bem sucedida investida da Câmara que conduziu à evacuação das vendedeiras ambulantes das ruas do platô tem hoje como resultado a proliferação desconcentrada de vendedeiras e vendedores, peixeiras, sapateiros, costureiros, incluindo a confecção de alimentos em fugareiros improvisados, etc por toda a cidade. Há que travar isso, com mão dura. Cumprindo e fazer cumprir a lei, a bem do interesse público, colectivo
. " (e anda a IGAE pelos restaurantes...)
Ler na íntegra aqui

segunda-feira, 9 de novembro de 2009

Há 20 anos...


caía o muro de berlim, construído em Agosto de 1961 e um símbolo inquestionável da chamada "guerra fria"...

Assusta-me....

... as interpretações que os nossos jornalistas / responsáveis de sector fazem das estatísticas...Que a criminalidade diminuiu porque as pessoas estavam todas na rua e haviam militares por todos os cantos até que aceito....agora dizer que a Dengue tomou conta do corpo dos criminosos e por isso houve essa diminuição... ... ... ... ora vejam lá uma das explicações publicadas no Online ASemana:
"Para o Comandante da BAC, Alcides Gomes Tavares, esta descida deveu-se à epidemia da dengue que assola Cabo Verde, não poupando os criminosos e muito menos os cidadãos honestos..." ler aqui

quinta-feira, 5 de novembro de 2009

Todos somos poucos na luta contra a Dengue

Amanhã, vamos todos nos unir e começar por fazer deste país um país limpo, um país saudável. Inicia a grande campanha contra a Dengue. Nunca senti tanta motivação, tanta união entre a sociedade civil e as entidades públicas... isto deixa-me orgulhosa....e, ao mesmo tempo, menos triste por pensar que a morte da minha amiga não foi em vão...a sua morte abalou a nossa confiança, as nossas certezas...mexeu com as nossas estruturas e fez com que a nossa indignação falasse mais alto que a nossa inércia... Aproveitemos e não deixemos este sentimento esmoreçer. TODOS SOMOS POUCOS nesta luta que tem de ser contínua. Depois, depois de termos afastado essa ameaça será tempo então de pedir, pedir não,... exigir responsabilidades. Por ora centremos nossas forças e paremos este mosquito maldito!!!

quarta-feira, 4 de novembro de 2009

Da remota possibilidade à realidade nua e crua...

Quando li a notícia não pude deixar de sentir uma certa raiva perante o ânimo leve com que as nossas autoridades trataram (e tratam) esta questão da Dengue... Fiquei espantada quando li (porque nem me lembrava de ter ouvido esta notícia) que afinal desde de AGOSTO DE 2008 (pasmem-se) nosso governo sabe que tinha sido detectado o mosquito transmissor...e está claro que fizeram porra nenhuma desde então...alías é só ver a afirmação do José da Rosa:
"...o delegado de Saúde da capital cabo-verdiana tranquilizou a população sobre a ocorrência duma eventual epidemia de dengue em Cabo Verde, garantindo que a possibilidade é bastante remota..." in jornal africa21... mais palavras para quê!!!!!!
Agora temos, desde 01 de Outubro,mais de 6.700 casos suspeitos (OFICIAIS...convém realçar...quanto a mim podem multiplicar o valor por 2 no mínimo) foram identificados , dos quais «22 casos de dengue hemorrágico», segundo Lurdes Monteiro do Departamento de Vigilância Epidemiológica. O número de mortes (OFICIAIS), até hoje: 4... a contagem continua...

Quem fala da Dengue fala do Paludismo que também tinha sido erradicado do país? Que aconteceu? Ok, o paí cresceu....mas também digo, temos mais acesso à educação que antes, mais meios de combate que antes, mais meios de comunicação que antes....só não temos pessoas mais responsáveis que antes!!!


Aproveito para lançar aqui uma ideia que apareceu ontem ...muitas vezes a CVT e a T+ e até o governo e partido políticos e mais uns quantos, usam nossos móveis para publicitar parvoíces, porque não fazem algo de jeito e mandem SMS com infomações sobre como agir em caso de suspeita de Dengue?!?!??!?


terça-feira, 3 de novembro de 2009

Retalho está de luto...

...morreu uma amiga minha de braga...mas não posso dizer que foi do Dengue...porque ontem o Ministro garantiu que está tudo sob controlo, que nunca esteve fora do controlo e que não havia casos de morte pelo Dengue...mas ela morreu...fez 34 anos ontem...quase a mesma idade que eu...e tinha um filho...e um marido...e uma família...e amigos...hoje o mosquito fez mais uma vítima...mas isso talvez não conte...nem as outras mortes por ele provocadas...porque isso tudo só pode ser ficção...

sexta-feira, 30 de outubro de 2009

VELÓRIO ALENTEJANO

Porque hoje é Sexta...dia de alegria...vai uma piadinha muito boa!


Um Lisboeta, foi surpreendido com a notícia que um alentejano amigo seu morreu e seria enterrado naquela tarde.
Chateado com a situação, a perda de um amigo do peito, procurou saber onde seria o velório e foi para lá.
Ao chegar, viu que no caixão estava o morto inteiramente nu e ao lado um grande pote cheio de creme, no qual cada um dos presentes metia a mão e após apanhar um pouco, passava sobre o defunto.
Surpreendido pela cena, coisa inusitada para ele, aproximou-se da viúva e perguntou:
- Desculpe-me a ignorância, mas o que estão fazendo é tradição por aqui?
A esposa respondeu:
- Não! É inédito! Nunca fizemos. É que ele pediu para ser cremado.

segunda-feira, 19 de outubro de 2009

Comprei uma...

Bimby, pois é ...é a nova empregada lá de casa!! A minha última experiência foi fazer pão de leite..(ok, tudo bem que só tive o trabalho de meter as coisas lá dentro e depois fazer umas bolinhas que pus no forno..mas pronto..EU FIZ)...e o todo o mundo adorou... Acho que vou ficar bimbólica!!!
Para quem quer saber o que é essa maravilha..clica aqui...ela já disse tudo que tinha para dizer sobre esta máquina

...os dias que já passaram...

Estive!! de férias...uns quinze míseros dias...e posso confirmar que o melhor dia de férias foi o dia em que se entrei de férias....e o pior é o último...isto porque descobri que já não estou apaixonada pelo meu trabalho. Ele deixou de ter aquele encanto que me enchia de energia e criatividade...tanto que às vezes roubava pedacinhos do meu sono...mas sobre isso falo depois.

Foram as minhas primeiras férias acompanhadas da pequenita...e a única palavra que me ocorre para descrever essas férias é:" diferente"...foram umas férias diferentes, umas férias em família num dos sítios de costume. Para ela não sei se teve muita graça porque sempre que saíamos toca a mete-la no carrinho e quando chegávamos ao nosso destino...toca a meter no carrinho de passeio. A miúda andava sedenta de liberdade que quando chegávamos à casa deixava-a gatinhar para libertar a energia toda acumulada naquelas cadeiras. Senti pena das crianças naquele mundo. Se por um lado tem imensas oportunidades de diversão, por outro, passam a vida atracadas a cadeiras…cadeiras de carros, passeios, alimentação e de brincadeiras… e a minha pequenita lá reclamava e, para mostrar que é uma rapariga ligada às tradições…nada de aceitar as modernices de comida em frasquinhos…
Terminantemente ela rejeitava as refeições de supermercado e, claro sobrou para mim… toca a fazer sopinhas e purés de frutas para a menina, nem podia reclamar muito, porque no fundo sabia que ela tinha razão. Como disse foram umas” férias família” com direito a programas familiares com um casal amigo com direito a arrepios de alegria por ver golfinhos fazendo acrobacias, aquário gigante com tubarão, etc, e a um recolher obrigatório mais cedo que o costume.
E os dias foram sendo consumidos a uma velocidade como se o mundo tivesse pressa em acabar-se. Fui “cuspida” de novo para a realidade. De regresso das férias fiquei nos primeiros dias com aquela sensação de começar de novo que nos dá no início de cada ano…mas bastaram umas horas para ver que tudo estava EXACTAMENTE igual ao que deixei…uma frustração.
Não tenho actualizado o blog porque digamos que minha mente continua de férias e não tenho tido muita vontade de "nadar" na net.

quarta-feira, 16 de setembro de 2009

Lixo...


Ao que parece a CMP resolveu limpar (mais uma vez) a encosta da Achada Grande Frente...eu já pergunto "para quê?"... já perdi a conta das vezes que aquela encosta já foi limpa para dias depois parecer que nunca foi limpa...não quero perder a fé ...mas fica difícil mantê-la com o comportamento do pessoal face ao esforço que a CMP tem feito para manter a Praia limpa!

terça-feira, 15 de setembro de 2009

Morreu Patrick Swayze


...aos 57 anos vítima de Cancro de pancreas... o actor que fez-me sonhar com o ‘Dirty Dancing’ e chorar com o ‘Ghost’. Sempre que ouço as músicas "she's like the wind" e Unchained Melody", cenas dos filmes bailam na minha mente...e lá está ele...dançando e/ou amando...RIP.

quinta-feira, 10 de setembro de 2009

Pontualidade...a falta dela


Se há coisa que me Smileys, que faz minha tampa saltar, que me dá aquele calor que vai subindo desde dos pés até a cabeça ...é a falta de pontualidade e a leveza como os cabo-verdianos lidam com isso. Parece que é coisa normal!!! Esquecem que é falta de respeito para com as pessoas...ainda por cima agora que temos o móvel..custa ligar? custa avisar? Náaaa... já até marcam eventos a uma determinada hora a contar com os atrasos. Quem me conhece sabe que meu limite para com isso é muito curto...MAS O CÚMULO...(a vida é malandreca.)..tenho um marido que é precisamente o meu oposto...até relógio já lhe ofereci....vá lá que melhorou imenso...às vezes começo a achar que é paranóia minha...mas mantenho-me firme neste propósito, de respeitar as horas dos compromissos e tentar que nunca fiquem à minha espera... porque para mim...PONTUALIDADE É RESPEITO!!

Sim....sei que nunca chego a horas no trabalho...incoerência? não acho...mas também quem disse que sou normal...no entanto se marcam uma reunião...sou das primeiras a chegar e acho que nunca entreguei um documento atrasado. (Nem no meu casamento eu atrasei-me....é...sou paranóica!SmileysSmileysSmileys)

quarta-feira, 9 de setembro de 2009

As palavras e o seu contexto ..."putª que pariu"

--- As palavras existem para serem ditas... em qualquer contexto. Culpado em quem as interpreta fora do contexto... ---

«O Parto da Prostituta.

O cara está preso na delegacia, todo arrebentado...
O advogado comparece para libertá-lo, e pergunta o que havia acontecido.
O cliente começa a explicar: - Bem, eu estava passando na rua e de repente, vi um monte de gente correndo. Estavam socorrendo uma prostituta, que acabava de dar a luz a um lindo menino.
Solidário, comprei um pacote de fraldas para presentear a prostituta.
Então, um PM, com 2 metros de altura e 3 de largura, se aproximou e vendo o pacote de fraldas nas minhas mãos, perguntou:
Pra onde vai isso?
E eu respondi: - Vai pra puta... que pariu...
Depois disso não me lembro de mais nada, mas já tô conseguindo abrir um olho. »
Recebido por e-mail.

segunda-feira, 7 de setembro de 2009

Os criolos e a sua "sensibilidade" às críticas de gente de fora

SmileysRecebi um e-mail de uma amiga, muito indignada devido aos comentários de uma brasileira sobre a nossa gastronomia. Ela fala de vários aspectos ligados à comida e ao serviço e de entre muitas afirmações diz "Na minha opinião, come-se mal em Cabo Verde, pelo menos em sua capital, a cidade da Praia, onde fiquei. Por conta da escassez de produtos, da terra árida, de aspectos culturais, e por falta de ousadia e criatividade..." (se quiserem ler o post aqui está o link). CONCORDO em género número e grau! Podem me dizer que não...que a nossa gastronomia é riquíssima...e eu pergunto....e isto é vendido aos turistas?! NÃO! O que encontramos nos restaurantes? Peixe grelhado, Bife, etc, etc e com as mesmas guarnições batata, alface, tomate, arroz branco..muda-se de restaurante e a ementa é quase que uma cópia (salvo raras excepções como o caso do CIMBRON). É claro que a escassez de produto deve-se à comparação com a variedade que o Brasil tem...mas quanto à mim...FALTA criatividade e ousadia dos nossos cozinheiros e também dos nossos restaurantes que deviam apostar na nossa gastronomia. Muitos pratos só são feitos por encomenda e outros nem existem no cardápio. Há uns tempos para cá que fiquei maravilhada quando em SV encontrei no Restaurante "Sr. Vinho" arroz com atum na ementa! Quanto ao serviço?!? É melhor nem comentar. A Katita falou em "serviço distraído" forma mais "fofa" de classificar o péssimo serviço dos restaurantes cujos "garçons" andam de olho em tudo...menos nos clientes. Quanto às moscas...ohhhh esqueci que isto é coisa que não existe... foi mera ficção...
Mas voltando ao post...as pessoas centraram-se tanto na crítica que esqueceram os elogios , por exemplo, quanto à qualidade do nosso peixe...
Deixemo-nos de ser sensíveis e sejamos mais aberto às críticas/reclamações... penso que só temos a ganhar!
Ia embora quando resolvi ler os comentários do post....bemmmmm....ali está a nossa morabeza, esperteza e inteligência bem espelhada!!!! Smileys

quinta-feira, 3 de setembro de 2009

Vale a pena LER...

A entrevista que o Corsino Tolentino deu ao Expresso das ilhas (aqui). Gostei da simplicidade, da frontalidade e da forma descomplexada como abordou temas como ideologia Vs Ciência, Cultura, Educação etc...mas o que gostei foi a sua opinião sobre a oficialização da língua criola:Passo a citar algumas afirmações...


"Os partidos ganham eleições e formam governos como consequência de um jogo do tipo publicidade enganosa que a sociedade aceita. São promessas que, se tivessem sido analisadas com rigor ético e técnico nunca teriam sido feitas nem aceites. O PAICV terá prometido a oficialização da língua cabo-verdiana num prazo irrealista. "

"Não faz sentido andar por aí a perguntar às pessoas se são por ou contra a oficialização da língua cabo-verdiana. O crioulo cabo-verdiano fez-se antes de nós e continuará depois de nós, não valendo a pena dar ares de estar a inventá-lo. Novidade seria prepará-lo para ser utilizado nas escolas, nas igrejas, na universidade, na administração e na comunicação oficial. A língua cabo-verdiana não está preparada para todas estas funções e prepará-la é uma tarefa gigantesca para várias gerações"


"O processo parece viciado e é contra este modo de ver e agir que muita gente estará. Ninguém está contra a língua cabo-verdiana. A mão invisível ou a conspiração não existem, mas, coisa diferente, a sociedade exige rigor e verdade, porque qualquer das duas línguas nacionais é assunto demasiadamente sério para ser deixado exclusivamente aos linguistas profissionais ou amadores, os quais são merecedores do meu respeito e admiração"..."

"somos analfabetos em cabo-verdiano e a meia dúzia de estudiosos e escritores nas variantes da língua materna são os pioneiros que constituem a excepção à regra geral"



Bem..o melhor mesmo é lerem o artigo!

quarta-feira, 2 de setembro de 2009

Só para constar...


Fiquei desiludida com a desitência do Jorge Santos e desconfiada com esse "consenso" dentro do MpD. Até parece que não há espaço para democracia interna, ou então é tudo jogos de interesses....Acho que o JS devia lutar até ao fim e não esperar chegar até aqui para desistir!!!

Ponto G

Há muito que não "postava" nada "educativo" e hoje resolvi quebrar o jejum.
Há uns dias ao surfar pela net, encontrei uma página que nos ensina a fazer mil e uma coisa é o GHowTo... desde de como resolver alguns problemas com o teu animal de estimação até como tratar das tuas finanças....mas o que valeu este post não tem nada a ver com estes temas...tem a ver com o famoso PONTO G!! Pois é... mito ou não, eles ensinam como encontrar o ponto G e proporcionar, a nós mulheres, orgasmos fantásticos. Portanto não podia deixar de partilhar esta notícia com todos...e bom proveito!Para aceder à notícia clica aqui!

terça-feira, 1 de setembro de 2009

segunda-feira, 31 de agosto de 2009

Pfff....

Mais uma semana se inicia e ainda não sei quando é que vou ter férias...lindo!!!

sexta-feira, 28 de agosto de 2009

Hoje acordei


Com vontade de abraçar a minha avó, de lhe dizer que a amo muito.

Acordei com vontade de a estreitar nos braços e retirar todo o mal que a vida lhe tem feito, sarar as feridas que foi ganhando ao longo do caminho, enxugar as lágrimas que as perdas lhe provocaram e plantar de novo aquele riso forte nos seus lábios.

Acordei com vontade de a deixar saber que a amo muito e que a minha atitude idiota de afastamento não tem a ver com o falta de amor mas pela minha incapacidade de aceitar que aquela mulher forte, aquela mulher coragem que conheci já não restam traços.

Acordei com vontade disso tudo porque ontem ao dormir veio à minha mente imagens da minha infância onde tu, avó, estiveste presente. Imagens minhas e outras de papel...imagens onde me acompanhaste nos primeiros passos, imagens do teu imenso carinho e a sensação de ser a favorita de alguém. Cresci, mas não te esqueci...afastei-me um pouco sim...mas por te amar...estranha forma de o demonstrar eu sei...mas às vezes sou assim...meio torta.

E como dizia...


Acordei com vontade de falar contigo, de te ouvir e de te sentir...e liguei-te. Disse-te que amava-te muito e mandei-te beijinhos mil...e senti-te mais perto, senti-te mais presente. Liguei e do outro lado da linha ouvi a tua voz trêmula, e num fio... palavras soltas. Mas não importa...queria apenas que tu soubesses que a tua neta não te esqueceu e que te ama muito. Ao desligar meu coraçãozinho podia caber nas mãos da minha filha, porque senti, mais uma vez, o teu abandono para com a vida...e disseste-me tchau...

terça-feira, 25 de agosto de 2009

Ser MULHER



Ser mulher...
É viver mil vezes em apenas uma vida.
É lutar por causas perdidas e
sempre sair vencedora.
É estar antes do ontem e depois do amanhã.
É desconhecer a palavra recompensa
apesar dos seus atos.


Ser mulher...
É caminhar na dúvida cheia de certezas.
É correr atrás das nuvens num dia de sol.
É alcançar o sol num dia de chuva.


Ser mulher...
É chorar de alegria e muitas vezes
sorrir com tristeza.
É acreditar quando ninguém mais acredita.
É cancelar sonhos em prol de terceiros.
É esperar quando ninguém mais espera.


Ser mulher...
É identificar um sorriso triste e uma lágrima falsa.
É ser enganada, e sempre dar mais uma chance.
É cair no fundo do poço, e emergir sem ajuda.


Ser mulher...
É estar em mil lugares de uma só vez.
É fazer mil papeis ao mesmo tempo.
É ser forte e fingir que é frágil...
Pra ter um carinho.


Ser mulher...
É se perder em palavras e
depois perceber que se encontrou nelas.
É distribuir emoções
que nem sempre são captadas.


Ser mulher...
É comprar, emprestar, alugar,
vender sentimentos, mas jamais dever.
É construir castelos na areia,
ve-los desmoronados pelas águas.
E ainda assim amá-los.


Ser mulher...
É saber dar o perdão...
É tentar recuperar o irrecuperável.
É entender o que ninguém mais conseguiu desvendar.


Ser mulher...
É estender a mão a quem ainda não pediu.
É doar o que ainda não foi solicitado.


Ser mulher...
É não ter vergonha de chorar por amor.
É saber a hora certa do fim.
É esperar sempre por um recomeço.


Ser mulher...
É ter a arrogância de viver
apesar dos dissabores,
das desilusões, das traições e
das decepções.


Ser mulher...
É ser mãe dos seus filhos...
Dos filhos de outros.
É amá-los igualmente.


Ser mulher...
É ter confiança no amanhã e
aceitação pelo ontem.
É desbravar caminhos difíceis
em instantes inoportunos.
E fincar a bandeira da conquista.


Ser mulher...
É entender as fases da lua
por ter suas próprias fases.





Não conheço o autor (se souberem digam-me)...mandaram-me por e-mail e achei que devia partilhar este texto...pela beleza das palavras...e por ter ficado com a última frase a bailar-me dentro da minha cabecinha...Ser mulher é entender as fases da lua por ter as suas próprias fases!


segunda-feira, 24 de agosto de 2009

Eu e o Ambiente....

Aperta-me o coração quando, pelos vidros do carro, vejo o lixo se acumulando nas ribeiras, nos campos nus enfeitados com sacos de plásticos. Sinto-me incomodada quando por descuido meu esqueço de levar meus sacos "ecológicos" para o supermercado e sou "obrigada" a levar com os sacos plásticos e a leveza de quem quase transporta um artigo em cada saco. Os "arrumadores de sacos" ficam a olhar para mim com o olhar nº 25 tipo..."esta tipa é maluca", quando digo para colocarem o máximo de itens dentro dos sacos porque o ambiente agradece. Incomoda-me que o meu marido passe mais de 5 minutos com a água a correr para depois passar outros tantos para tirar o sabão quando, quando pode faze-lo em metade do tempo. No escritório tento limitar ao máximo a impressão de documentos e, sempre que posso uso o verso de um papel impresso para imprimir ou escever notas. Sim, preocupo-me com o ambiente e muitas vezes tento minimizar o impacto das minhas actividades no ambiente. MAs reconheço que em nome da minha comodidade, ainda estou a léguas de distancia de ser ecologicamente correcta...é que quando penso nas fraldas e pensos higiénicos de pano, meu corpo arrepia e aí cometo mais um pecado e inundo o meu mundo com toneladas destes desperdícios...mas fico contente quando reaproveito/reciclo coisas, poupo energia e/ou água..é como se a minha conta para com a Natureza ficasse um pouco menos negra...
Este desabafo vem por conta de um artigo que diz que as fraldas e os pensos higiénicos representam 5% dos resíduos sólidos urbanos e as fraldas são consideradas um dos piores redíduos domésticos...

Eu e as segundas-feiras....

Quase toda a gente que me conhece sabe do meu "ódio de estimação" para com as segundas-feiras...estranhamente, hoje sinto-me bem, cheia de energia...e olhem que a minha pequenina deu-me uma noite bem animada com direito a resmungos de hora a hora, choros e acoplagem à estação de serviço às 5 da manhã..Tenho por mim que algo vai acontecer hoje!

sexta-feira, 21 de agosto de 2009

A vida é....

Uma sucessão de surpresas...

Tenho viajado com alguma frequência para a minha ilha e em cada viagem tenho tido uma surpresa... a última foi ter entrado num taxi com a minha mãe e termos reconhecido um motorista que levava-me à minha avó quando tinha eu 5 ou 6 anos...sabem quanto custava a viagem? 15 escudos (essa parte não me lembrava). Fiquei a pensar que hoje não me atreveria a meter minha filha, sozinha, num taxi...é que ocorre-me logo a história do chapéuzinho vermelho...os lobos andam famintos e lenhadores já existem poucos...

quarta-feira, 5 de agosto de 2009

RIP Biús


Nem quis acreditar quando a voz do outro lado do telefone me deu a notícia...fui a correr para o jornal on-line e vi...Biús morreu...e veio até mim memórias do seu riso fácil, das noites no Alta-Lua, das festas em Braga onde não faltavam as suas músicas... Para mim era sinónimo de boa disposição e sinónimo de momentos bem passados, conseguia por uma plateia à vontade, a cantar, a dançar...Que a terra lhe seja leve... (foto surrupiada aqui)

Estado da nossa nação e o estado do pgr


é..nação com letras minúsculas!!! Eu bem que tentei ficar caladinha sobre o debate do estado da nação, depois sobre a "indignação" do PGR...mas não consigo...mas juro que tentei...e para não descambar vou ser poupada nas palavras...


  • Se hoje tivesse de escolher qual o melhor partido de oposição eu responderia: UCID- Apesar de não gostar do Monteiro porque ele adora fazer carícias a altas velocidades à mulher dele, mas no campo político ele esteve muito bem; Fez uma óptima gestão de tempo(não perdeu tempo com troca de mimos), tocou nos pontos que interessam aos cabo-verdianos (desemprego), não perdeu a pose e ainda teve o condão de irritar o nosso PM sem sair dos limites. Nota 10!

  • Quanto ao maior partido da oposição...bem...fez péssima gestão do tempo, sem falar que teve um discurso pobrezinho. Não sei porque ainda caem na esparrela do PAICV! Eles ainda não perceberam que estão a fazer o joguinho deles?!!??!Que eles lhes fazem perder tempo ao lhes provocar porque SABEM que o MPD vai responder e depois não tem tempo para debater o essencial?!?!? Oh Valha-me Deus!!! Vai uma nota 5

  • O partido no Governo defendeu a sua dama e a Min de finanças mostrou mais uma vez que é a Dama de Ferro de CV. Gostei das intervenções dela: curtas, claras, objectivas. Por mais que exista guerra de números, ela defende e bem aquilo que tem de defender. O problema é que ela não tem na oposição alguém do mesmo calibre para lhe fazer frente e desmontar as suas explicações. Há que quantificar os impactos das medidas tomadas...de que adianta dizer que diminuiram o IUR (são poucas as empresas que vão ter lucro em 2009, e nos particulares quem mais ganhou foram os que ganham acima de 100 cts, quando em CV a maioria não chega nem de perto desta quantia). Que retiraram o Imposto de Selo (uma verginha isto do IS) dos recebimentos...é preciso ver se os encargos das empresas não aumentaram pois a maioria recorre aos crédito bancário e 5% sobre juros e 7 por mil nas receitas...não sei bem. E com este imposto e mais a TSMR o cidadão viu o seu poder de compra a reduzir. Srª Ministra é preciso quantificar os impactos!!! Nota 7

E já chega..disse que ia ser poupadinha...


Agora quanto ao PGR, desculpem, pgr....


Mas vocês já perguntaram o porquê da actuação da PN?!?! Será que o homem não cometeu nenhuma infracão?!??! Será que o polícia estava fora do seu juízo ao autuar um infractor?!!?! Ok, retirou a carta...não podia?? não sei...há que ver a lei...Agora a actuação do pgr é de lamentar...Quanto a mim devia tratar disso sem ir à Comunicação Social porque ao faze-lo está:

  1. A admitir que cometeu uma infracção...(como disse, ou isso ou o polícia estava alucinado!)

  2. Sendo verdade a 1ª afirmação... Que insinua estar acima da lei. Meu Caro nem o PR está!! Se queremos um país que se diz de Direito...a Lei é para todos e ninguém está acima dela!!

  3. E a admitir que o polícia estava "léle" da cabeça, o Sr com essa atitude mostrou que não tem ATITUDE nenhuma!! Que não se revê nos poderes que tem. A acontecer uma coisa destas ia directamente à Adm. Interna, fazia uma queixa formal, abria-se um inquérito para apurar as responsabilidades...mas NÃO!!! fica mais bonito ir à CS...muito feio pgr, mto feio! E ainda temos políticos que se metem nisso...JS precisa de aprender que a palavra é de PRATA e o Silêncio é de OURO!

E por isso eu aqui digo que estamos a ficar pequeninos...muito pequeninos...que a Nação tá quase a apanhar uma Gripe A!!

terça-feira, 4 de agosto de 2009

Sabiam?!?!? Nº Verde para o Trânsito!!!


Ah pois é!!!! Essa fiquei a saber hoje. Afinal sempre temos um canal para nos queixarmos da indisciplina do trânsito: o nº VERDE 800 1012!! Se funciona ou não, ainda não sei, se atendem ou não...também não sei...mas já é alguma coisa. Vamos lá colaborar?!?! Ao menos podemos dizer que fizemos a nossa parte...(nem que seja para desabafar!!)

segunda-feira, 3 de agosto de 2009

Dádada....

A minha filhota já balbuciou a sua 1ª palavra: ""! e fica "dádadada" Ainda não percebi se pretende "dar "alguma coisa...se está a pedir ou se esta a declarar que, não parece que é...mas que realmente, é uma "Dada!" Estou dividida entre a 2ª e a 3ª opção, porque:
  1. nesta conjuntura, e se ela entende minimamente o que a mãe pragueja quando vê/lê as notícias, é mais Pedir do que dar... Está a seguir o exemplo do nosso governo cuja política é do"Venha a nós...." Se for isso, oh minha filha...continua a pedir...alguma coisa há-de cair!
  2. Bem...ela é tão simpática, tão simpática, que vai para o colo de qualquer um e ainda brinda o seu "portador" com um sorriso de desmachar qualquer contribuinte furioso que acaba de saber o imposto que tem de pagar. Como uma colega minha disse, é capaz de a raptarem e ela ir a sorrir.

Prometo debruçar sobre o assunto e chegar à uma conclusão. Até lá vou-me divertindo com as descobertas... porque o resto...

segunda-feira, 27 de julho de 2009

quarta-feira, 8 de julho de 2009

sexta-feira, 3 de julho de 2009

Ninguém se oferece?....

Para me oferecer uma semana no hotel Aquafalls SPA Hotel no meu adorado Minho, na maravilhosa Peneda do Gerês....uma semaninha com direito a um programa de Spa completo (até o corpo gritar "basta")...e prometo não reclamar mais durante UM ano....vá 6 meses... (e depois voltamos ao início e oferecem-me mais uma estadia e assim por diante)... ahn? ahn??


Não aparece ninguém? (olha eu aqui com aquele ar nº 10 de pedante...)

do mais fundo do meu bolso...

O meu bolso vem encarecidamente dar um grito porque ultimamente sente-se violado:

1º foi o imposto de selo que tive de pagar retroactivamente (nunca pensei que fosse aplicado o princípio de retroactividade numa lei fiscal). Foi um susto! Ainda não consegui perceber porque tenho de pagar imposto de selo sobre um CUSTO (o juro que pago ao banco). Na minha modesta opinião deveria ser cobrado ao Banco...mas adiante (assim que estudar isto posso voltar aqui).

imposto de iluminação pública....bem esta bateu-me forte!!! e bateu ainda mais quando vi que o "payback" do governo..."não aprovaram o imposto? toma lá uma dose de apagão com uns kasubodi como "fachom" a ver se aprendem a colaborar" (só rezo ao meus santinhos que os primeiros sejam os governantes).

Concordo que sejam os utilizadores a pagarem a iluminação pública (não pagam a electricidade que usam nas vossas casas? (não vale responder aqueles que roubam electricidade). MAS eu defendo que seja uma taxa cobrada pelos municípios, não mais um imposto que vai aos cofres do Estado e pagar a ineficiência de um elefante maior (sim...por que as câmaras municipais são (ou deveriam ser) mais comedidas). Defendo que esta taxa não seja muito elevada para evitar fugas ao seu pagamento. Defendo, sempre que possível, serviços centralizados nos municípios, pagos pelos munícipes, porque eu acredito que sendo assim o munícipe vai exercer maior pressão (vai execer o seu direito de cidadania e participar mais na gestão do seu "espaço"), vai exigir e o interlocutor (a câmara) fica sempre mais pertinho que o governo!

Não concordo que dependa da factura de electricidade (e os que roubam?!?!?!)

Não concordo quando dizem que "ah mas eu na minha zona não tenho iluminação pública"- Oh meu caro...quando sais do teu mucufo não passas em zonas iluminadas?! Além de que pelo menos nem a ELECTRA nem as câmaras poderão mais se escudar em desculpas de falta de pagamento.

Não concordo com o lavar das mãos do governo como fez ontem! Srª Ministra...a Segurança é um direito fundamental de todos e que tem de ser acautelado por vós! Se a oposição nao viabilizou é porque a solução apresentada por vocês não convenceu...se não convenceu é porque não fizeram bem o vosso trabalho de casa. Criar imposto para tudo também não é solução..meu salário já não aguenta ... entre o Estado e o banco só me faltam mesmo os outros kasubodistas (toc-toc- diabo seja surdo mudo e paralítico)

quinta-feira, 2 de julho de 2009

Lamentável....

E INACEITÁVEL....A postura da Rossana no jornal da noite na TCV, quando deu a notícia de uma tartaruga que foi morta quando estava a fazer o ninho....primeiro pela cara de felicidade quando lia a notícia...parecia que estava a anunciar uma festa...mas o pior veio depois...quando passaram as imagens (diria chocantes e tristes) ela arremata: "A carne é deliciosa, mas é crime"...bem que podia ter ficado calada ou então reforçar que as tartarugas são espécies em vias de extinção e temos de as preservar...Mas enfim, devia continuar com minha greve de não ver o jornal da TCV, mas sou distraída e por isso VUPT apanho sempre com alguma coisa.

segunda-feira, 29 de junho de 2009

Ouvindo...


Quiet nights...para ver se meus dias ficam mais calminhos e relaxados....

Oferta de um amigo que partilha comigo os gostos pela música e pelos vinhos...é bom ter amigos assim ;)