quarta-feira, 17 de dezembro de 2008

tic tac...tic tac

Aproxima-se a hora...ainda não me tinha mentalizado, mas depois do susto sinto-a chegar sorrateiramente. Estive "ausente" por motivos justificáveis...estive de pernas para o ar...(ordens médicas e não por preguiça) porque meu sistema resolveu que chegou a hora de mandar para fora a minha Catarina.
Sei que não serei a primeira, nem a última mulher a sentir "a dor", nem que será a minha última vez; sei que é para uma boa causa; sei que o esforço valerá a pena, que será recompensado; sei que não me matará; sei que o corpo estará preparado e que a Mãe Natureza sabe o que faz...sei tudo isso, tanto de ler como de ouvir as mães que já passaram pelo momento..MAS CONFESSO a minha cobardia...desde sempre temi o momento do parto. Já tive umas amostrinhas das dores, já senti o meu corpo a ser "escangalhado" que nem um frango..mas por momentos tão breves...que quando tento extrapolar sou assaltada pelos pensamentos de que no momento vou perder as estribeiras todas...e a compostura...e soltar todos os demónios que habitam em mim e dizer palavrões como quem diz bom dia...até lá...vou levando os dias...

2 comentários:

João Teles Leite disse...

Que saudades que já tinha dos teus posts.
É muito bom saber-te de volta mas é melhor saber-VOS BEM.
Por isso, vê lá...
CuideM-se BEM !!!!

Gilia disse...

Yellow!!!!
Antes de mais: Boas Festas!
Espero ue tudo esteja já controlado e vocês as duas bem.
Beijinhos