terça-feira, 4 de março de 2008

Rupturas...

Ultimamente tenho deparado com situações várias, quer através de livros quer de relatos de pessoas que me são próximas , tendo como denominador comum a ruptura!!!Ruptura de relações “sólidas” que aparentemente nada tinham que pudesse prever o fim...
Qual o ponto de viragem??O que será que nos leva a que num determinado momento das nossas vidas, da vida de uma relação, as coisas mudem de tal forma que os sentimentos deixam de ser “certezas” para serem dúvidas e às vezes certezas avessas?!
Dizem que o tempo é o principal “culpado”…mas se for o tempo então não foi nada “abrupto”…já era esperado…o tempo provoca desgasto…aumenta com o poder de uma lupa os problemas há muito sentidos…falo do momento em que começa e não do “prolongamento”… falo do “click” que se nos dá na alma e que naquele momento, por mais que o afastemos com um balançar da cabeça afastando-o dos nossos pensamentos, sabemos que ALGO se quebrou…é o TAL…o click que põe um marco para o final. Já me aconteceu tantas vezes e durante algum tempo achava que era resultado do tempo…mas agora quando olho para trás consigo identificar cada um destes momentos … já foi uma palavra, já foi uma atitude, já foi a ausência de um gesto, já foi o tempo de espera…tanta coisa que, sem nenhum dos parceiros desejar, pode quebrar a magia de um relacionamento…mas o porquê...ainda não sei...como que "pequenas"coisas se tornam autênticos monstros...

7 comentários:

VL disse...

hummmmm queres mesmo saber o porque?
De alguem que sempre andou rompida com os homens e de certa forma com a vida, digo-te que as vezes é melhor nao tentarmos saber o porque das rupturas! Digo isso porque na maioria das vezes somos "nòs" os culpados e doi saber que afinal, nao fomos capazes de amar a pessoa para sempre como queriamos,ou nao fomos capazes de fazer as cedencias necessarias para uma relaçao a dois.
Para mim o melhor é viver cada relaçao intensamente enquanto durar a paixao, o respeito e o amor. Se vires que um desses tres sentimentos começa a faltar é melhor "romper".

Beijokas
PS: corrija os acentos pois estou num PC italiano

Anónimo disse...

Olá vl! Também me parece que tens razão, mas continuas a pensar assim se a tal relação for um casamento com 2 filhos? Estou um pouquinho indecisa ...
'Jinhos

LAY disse...

creio k não existe uma formula k diga: «tem de ser assim»... pois cada caso é um caso e depende das pessoas envolvidas, das circunstâncias e até mesmo do tempo...., daí eu ter a opinião de que é dificil procurar a resposta do «porquê»...mas acreditto que existem alguns ingredientes essenciais para que qualquer relacionamento possa dar certo, como: a paixão, o amor, o respeito, a admiração,a cumplicidade e o desejo.
bjs

VL disse...

Ola anomino.Sou testemunha de casamento, relaçao que se transformou em verdadeiro inferno debrigas, desrespeito, desamor sò porque havia filhos no meio. Pode nao ser a soluçao ideal, mas a mim parece-me melhor que os filhos sejam felizes com os pais separados do que infelizes e todos juntos. Claro que acabar uma relaçao onde hà filhos em comum éuma decisao que deve ser muito bem pensada, mas sou pelo equilibrio emocional dos filhos e dos pais. Por querida, se jà nao hà amor, respeito, paixao, admiraçao é melhor romper...
Os filhos tendem a ver o pai/mae, da forma como os pais tratam uns aos outros... fala a experiencia.
Beijinhos

Anónimo disse...

concordo com a Lay é dificil saber as razões os porques... não sou casada mem tenho filhos mas conordo que melhor será que os filhos tenham, pais separados mas felizes .. ja sofri a dor de perder alguem so sei que doi muito e perdemos o rumo agora os porques entrego... a vida ... a Deus. e tento ser feliz numa relação enquanto ela durar quando acabar... acabou.....pensso eu de que....wicca

Anónimo disse...

Olá vl!
Obrigada pelos conselhos. Sou o primeiro anónimo, o segundo já é outra pessoa :)
Beijinhos e muita felicidade

MS - Mnininha d'Soncente disse...

Bem...penso que com filhos no meio é bem mais difícil, mas passam a ser a "nossa" desculpa... estive a ler "Baunilha e Chocolate" da Sveva e lá vi que as vezes é preciso romper para se poder começar de novo...às vezes com a mesma pessoa. Passado um tempo damos as coisas como adquiridas e não cuidamos dela..o que leva às rupturas...há que ter coragem e saber o que se quer e depois seguir em frente!Bjs a todas